Turismo tem resistido aos percalços devido a capacidade de antecipação da Madeira

A secretária regional de Turismo e Cultura da Madeira, Paula Cabaço, considerou hoje que o setor turístico da região tem sabido resistir aos percalços, devido à capacidade que tem em se antecipar. "O nosso desafio tem sido sempre o de adequar,...

Turismo tem resistido aos percalços devido a capacidade de antecipação da Madeira
A secretária regional de Turismo e Cultura da Madeira, Paula Cabaço, considerou hoje que o setor turístico da região tem sabido resistir aos percalços, devido à capacidade que tem em se antecipar. "O nosso desafio tem sido sempre o de adequar, antecipar, sempre que possível, situações que nem sempre dependem de nós […], mas para as quais temos de estar preparados", afirmou, no terceiro congresso internacional de turismo da Associação de Investigação Científica do Atlântico (AICA), no Funchal. Paula Cabaço sublinhou que, só nos últimos dois anos, a Madeira enfrentou a falência de sete companhias aéreas que voavam para a região, além de se ter confrontado com o reaparecimento dos mercados da bacia do Mediterrâneo, que competem com a região "a preços muito mais baixos". Ainda assim, na sua opinião, estas condições adversas foram contornadas. "É falar de um setor que ao longo do tempo soube ajustar-se, reinventar-se, para continuar a corresponder às necessidades e expectativas dos turistas", afirmou.