TAP recebe o 30 º novo avião de 2019 e último airbus com configuração antiga sai da frota

A TAP celebrou esta semana mais um marco histórico na renovação da sua frota. Com a saída de operação comercial do Airbus A330 com matrícula CS-TOG, a companhia passa a ter uma frota integralmente renovada e uma das “mais jovens do mundo”....

TAP recebe o 30 º novo avião de 2019 e último airbus com configuração antiga sai da frota
A TAP celebrou esta semana mais um marco histórico na renovação da sua frota. Com a saída de operação comercial do Airbus A330 com matrícula CS-TOG, a companhia passa a ter uma frota integralmente renovada e uma das “mais jovens do mundo”. Com a saída de operação do último dos aviões com produto de cabine desatualizado, a frota de Longo Curso da Companhia já está modernizada a 100 por cento e tem agora uma idade média de 3,9 ano quando, há um ano, tinha uma idade média de 15 anos.  Numa nota de imprensa enviada ao JM, a TAP informa que “todos os passageiros que fazem voos intercontinentais com a TAP têm a partir de agora uma experiência consistente com os mais elevados padrões de serviço e de conforto, que se traduzem numa enorme melhoria na avaliação NPS (Net Promoter Score), metodologia através da qual são os próprios Clientes que revelam os seus níveis de satisfação”. Com a saída do Airbus A330-200 CS-TOG, no dia 29 de novembro, os voos transatlânticos são agora operados em exclusivo por aviões novos ou com interiores de cabina modernos que permitem oferecer aos passageiros os níveis mais elevados de conforto. Há um ano, a TAP tinha na sua frota do Longo Curso quatro aeronaves do modelo Airbus A340 e 17 aeronaves do modelo A330ceo. Agora, a frota de Longo Curso tem 17 aviões do modelo Airbus A330neo e quatro do modelo Airbus A321 LR, e sete aviões do modelo Airbus A330ceo com interiores de cabina totalmente renovados e padronizados