PSD diz-se forte para tentar retirar as três Juntas ao CDS

David Ornelas (Santana), Fabiana Matos (São Jorge) e Manuel Jesus (Ilha) são apostas de João Paulo Luís, cujo a lista terá como mandatária Cláudia Perestrelo e em António Jorge Azevedo o diretor de campanha. Está completa a lista do PSD que vai a votos em Santana. Liderada por João Paulo Luís, eram já conhecidos diversos nomes da respetiva composição, mas sabe-se agora que David Ornelas, Fabiana Matos e Manuel João Jesus são as apostas para as três Juntas de Freguesia que estão, por estas alturas, na posse do CDS. Assim, David Ornelas é o trunfo para a Junta de Freguesia de Santana, Fabiana Matos avança para São Jorge e Manuel João Jesus tentará recuperar e Ilha, que em 2017 perdeu em favor dos centristas. O candidato à Câmara Municipal de Santana, para liderar as três Juntas de Freguesia que atualmente ainda são governadas pela oposição, apresenta candidatos que, assume, "têm todas as condições para vencer e para ajudar o PSD a recuperar o poder nestas localidades", a bem de um projeto de desenvolvimento que defende integral e alargado a todas as freguesias do concelho, conforme releva ao JM. João Paulo Luís exalta liderar um projeto em que é pretendido “mais desenvolvimento, mais investimento e emprego, mais apoios sociais e uma gestão municipal mais eficiente, mais centrada nas pessoas e muito mais solidária para Santana”. A estes nomes, juntam-se os atuais presidentes de Junta social-democratas que João Paulo Luís decidiu reconduzir, “atendendo ao trabalho desenvolvido neste último mandato” e, também, “ao compromisso que todos assumiram neste novo projeto autárquico”, conforme o JM anunciou na sua edição de 25 de maio passado. Ou seja, o candidato reafirma a confiança em Nélio Gouveia (Arco de São Jorge), Manuel Luís Andrade (Faial) e Gonçalo Jardim (São Roque do Faial). Escolhas que o candidato considera consensuais para reforçar o compromisso e a liderança do PSD à frente das freguesias do concelho e para trabalhar, em rede e em parceria com a equipa da vereação já apresentada, num projeto que defenda os interesses da população. "Quando defendemos um novo rumo para Santana, estamos a pensar no concelho como um todo e essa visão estará refletida não apenas nas soluções que iremos apresentar como, também, na forma como iremos trabalhar cada uma das nossas freguesias, encontrando, caso a caso, as melhores respostas para o futuro que queremos construir", disse. Nesta corrida autárquica, João Paulo Luís reitera a sua escolha em Rui Abreu para presidir à Assembleia Municipal de Santana e fecha, assim, uma equipa que sublinha "competente, capaz e motivada para fazer mais e melhor e para dar um novo rumo ao concelho". Uma candidatura que terá como mandatária Cláudia Perestrelo, deputada na ALRAM, que “desde a primeira hora fez parte das escolhas direta”, consoante diz o candidato, e também com António Jorge Azevedo, que será o diretor de campanha. Recorde-se que o candidato do PSD/M à autarquia de Santana integra na sua equipa de vereação Martinho Freitas, Dina Trindade, Beto Martins e Sofia Mendonça, tal como também o JM anunciara já.

PSD diz-se forte para tentar retirar as três Juntas ao CDS
David Ornelas (Santana), Fabiana Matos (São Jorge) e Manuel Jesus (Ilha) são apostas de João Paulo Luís, cujo a lista terá como mandatária Cláudia Perestrelo e em António Jorge Azevedo o diretor de campanha. Está completa a lista do PSD que vai a votos em Santana. Liderada por João Paulo Luís, eram já conhecidos diversos nomes da respetiva composição, mas sabe-se agora que David Ornelas, Fabiana Matos e Manuel João Jesus são as apostas para as três Juntas de Freguesia que estão, por estas alturas, na posse do CDS. Assim, David Ornelas é o trunfo para a Junta de Freguesia de Santana, Fabiana Matos avança para São Jorge e Manuel João Jesus tentará recuperar e Ilha, que em 2017 perdeu em favor dos centristas. O candidato à Câmara Municipal de Santana, para liderar as três Juntas de Freguesia que atualmente ainda são governadas pela oposição, apresenta candidatos que, assume, "têm todas as condições para vencer e para ajudar o PSD a recuperar o poder nestas localidades", a bem de um projeto de desenvolvimento que defende integral e alargado a todas as freguesias do concelho, conforme releva ao JM. João Paulo Luís exalta liderar um projeto em que é pretendido “mais desenvolvimento, mais investimento e emprego, mais apoios sociais e uma gestão municipal mais eficiente, mais centrada nas pessoas e muito mais solidária para Santana”. A estes nomes, juntam-se os atuais presidentes de Junta social-democratas que João Paulo Luís decidiu reconduzir, “atendendo ao trabalho desenvolvido neste último mandato” e, também, “ao compromisso que todos assumiram neste novo projeto autárquico”, conforme o JM anunciou na sua edição de 25 de maio passado. Ou seja, o candidato reafirma a confiança em Nélio Gouveia (Arco de São Jorge), Manuel Luís Andrade (Faial) e Gonçalo Jardim (São Roque do Faial). Escolhas que o candidato considera consensuais para reforçar o compromisso e a liderança do PSD à frente das freguesias do concelho e para trabalhar, em rede e em parceria com a equipa da vereação já apresentada, num projeto que defenda os interesses da população. "Quando defendemos um novo rumo para Santana, estamos a pensar no concelho como um todo e essa visão estará refletida não apenas nas soluções que iremos apresentar como, também, na forma como iremos trabalhar cada uma das nossas freguesias, encontrando, caso a caso, as melhores respostas para o futuro que queremos construir", disse. Nesta corrida autárquica, João Paulo Luís reitera a sua escolha em Rui Abreu para presidir à Assembleia Municipal de Santana e fecha, assim, uma equipa que sublinha "competente, capaz e motivada para fazer mais e melhor e para dar um novo rumo ao concelho". Uma candidatura que terá como mandatária Cláudia Perestrelo, deputada na ALRAM, que “desde a primeira hora fez parte das escolhas direta”, consoante diz o candidato, e também com António Jorge Azevedo, que será o diretor de campanha. Recorde-se que o candidato do PSD/M à autarquia de Santana integra na sua equipa de vereação Martinho Freitas, Dina Trindade, Beto Martins e Sofia Mendonça, tal como também o JM anunciara já.