PS votou a favor da alteração ao subsídio de mobilidade

Contrariamente ao que foi divulgado, o Partido Socialista votou favoravelmente a proposta de alteração ao subsídio de mobilidade, no âmbito da discussão na especialidade do Orçamento do Estado. Olavo Câmara, deputado socialista madeirense à...

PS votou a favor da alteração ao subsídio de mobilidade
Contrariamente ao que foi divulgado, o Partido Socialista votou favoravelmente a proposta de alteração ao subsídio de mobilidade, no âmbito da discussão na especialidade do Orçamento do Estado. Olavo Câmara, deputado socialista madeirense à Assembleia da República, esclareceu, através de um comunicado enviado esta manhã ao JM, que o partido mudou o seu sentido de voto, para o voto favorável, depois de conseguir fazer ver junto dos deputados da Comissão de Orçamento e Finanças (os únicos que podem participar nestas votações) a posição de todos os deputados do PS eleitos pela Madeira, que apoiam esta medida.   "No final da noite, o PS votou a favor, no sentido de que os madeirenses paguem apenas o preço estipulado para as passagens aéreas de ida e volta - 86 euros para os residentes e 65 euros para os estudantes - sem terem de adiantar valores passíveis de reembolso, medida esta já para 2020", afirmou Olavo Câmara.