Novak Djokovic recusou-se a fazer o teste à covid-19 por não ter sintomas

Novak Djokovic, número um mundial, recusou-se no domingo a fazer qualquer tipo de teste à covid-19 depois de ser do conhecimento público de que Grigor Dimitrov havia testado positivo.  Segundo a imprensa sérvia, o tenista de 33 anos abandonou a Croácia rumo à Sérvia dizendo que não tinha quaisquer sintomas e que por isso não precisava de ser testado. “O Novak Djokovic decidiu não ser testado na Croácia por não ter quaisquer sintomas. Vai regressar à Sérvia e consultar o seu médico para seguir os procedimentos que acharem melhor“, pode ler-se num comunicado da organização citado pela imprensa do país, numa artigo que apresenta fotos de todos os outros tenistas que estiveram em prova a fazerem os respetivos testes, como Alexander Zverev, Borna Coric (que acusou positivo tal como dois preparadores físicos), Marin Cilic ou Donna Vekic.

Novak Djokovic recusou-se a fazer o teste à covid-19 por não ter sintomas
Novak Djokovic, número um mundial, recusou-se no domingo a fazer qualquer tipo de teste à covid-19 depois de ser do conhecimento público de que Grigor Dimitrov havia testado positivo.  Segundo a imprensa sérvia, o tenista de 33 anos abandonou a Croácia rumo à Sérvia dizendo que não tinha quaisquer sintomas e que por isso não precisava de ser testado. “O Novak Djokovic decidiu não ser testado na Croácia por não ter quaisquer sintomas. Vai regressar à Sérvia e consultar o seu médico para seguir os procedimentos que acharem melhor“, pode ler-se num comunicado da organização citado pela imprensa do país, numa artigo que apresenta fotos de todos os outros tenistas que estiveram em prova a fazerem os respetivos testes, como Alexander Zverev, Borna Coric (que acusou positivo tal como dois preparadores físicos), Marin Cilic ou Donna Vekic.