Mulher vítima de agressões assistida no hospital

Uma mulher foi esta madrugada assistida nas urgências do Hospital Dr. Nélio Mendonça num quadro de suposta violência doméstica, garantiu fonte hospitalar ao JM. A vítima, de 55 anos, estava ferida num braço, com um traumatismo no punho e algumas escoriações no antebraço. O alerta foi dado pela própria para o 112, que logo acionou uma equipa pré-hospitalar e uma ambulância da Cruz Vermelha Portuguesa. Após a imobilização do membro superior, a sinistrada foi transportada para o hospital, onde recebeu tratamento médico na ala da ortopedia do serviço de urgências. A situação ocorreu na residência da vítima e do companheiro, na Levada da Corujeira, freguesia do Monte, logo depois das primeiras horas desta madrugada.

Mulher vítima de agressões assistida no hospital
Uma mulher foi esta madrugada assistida nas urgências do Hospital Dr. Nélio Mendonça num quadro de suposta violência doméstica, garantiu fonte hospitalar ao JM. A vítima, de 55 anos, estava ferida num braço, com um traumatismo no punho e algumas escoriações no antebraço. O alerta foi dado pela própria para o 112, que logo acionou uma equipa pré-hospitalar e uma ambulância da Cruz Vermelha Portuguesa. Após a imobilização do membro superior, a sinistrada foi transportada para o hospital, onde recebeu tratamento médico na ala da ortopedia do serviço de urgências. A situação ocorreu na residência da vítima e do companheiro, na Levada da Corujeira, freguesia do Monte, logo depois das primeiras horas desta madrugada.