Madeira proíbe a acostagem de 21 cruzeiros no porto do Funchal

Até ao final do mês, estavam escalonados 21 navios para a capital da Madeira.   O Governo Regional acaba de anunciar medidas mais restritivas de contenção da pandemia de coronavírus. Segundo avançou o DN-Madeira, a presidência do Governo Regional vai decretar a proibição de acostagem de navios de cruzeiros e aumentar as medidas de controlo no aeroporto. O porto do Funchal não vai receber paquetes para evitar situações de quarentena e no aeroporto serão adotadas medidas de controlo nas chegadas.

Madeira proíbe a acostagem de 21 cruzeiros no porto do Funchal
Até ao final do mês, estavam escalonados 21 navios para a capital da Madeira.   O Governo Regional acaba de anunciar medidas mais restritivas de contenção da pandemia de coronavírus. Segundo avançou o DN-Madeira, a presidência do Governo Regional vai decretar a proibição de acostagem de navios de cruzeiros e aumentar as medidas de controlo no aeroporto. O porto do Funchal não vai receber paquetes para evitar situações de quarentena e no aeroporto serão adotadas medidas de controlo nas chegadas.