Luis Enrique regressa à seleção espanhola

Luis Enrique está de regresso ao cargo de selecionador de Espanha depois de um período de ausência motivado pela morte da filha de apenas nove anos. A confirmação foi dada, esta terça-feira, por Luis Rubiales, presidente Real Federação Espanhola...

Luis Enrique regressa à seleção espanhola
Luis Enrique está de regresso ao cargo de selecionador de Espanha depois de um período de ausência motivado pela morte da filha de apenas nove anos. A confirmação foi dada, esta terça-feira, por Luis Rubiales, presidente Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF), avança o Notícias ao Minuto. "Hoje podemos confirmar que Luis Enrique regressa ao seu posto de trabalho. No passado dia 19 de junho reuni com Molina e Robert Moreno para explicar quem ocupava o cargo de selecionador. Deixei claro que no momento em que Luis Enrique quisesse voltar, ele voltaria", começou por dizer Rubiales, prosseguindo.  "Luis Enrique tinha as portas abertas. Disse-o de maneira clara e com plena sinceridade. Desde da morte da filha de Luis Enrique que falamos com ele em três ocasiões. A primeira a 29 para lhe dar os meus pêsames. Falámos numa reunião no final de outubro e voltei a falar, ontem. A 29 de outubro ligo-lhe para transmitir o carinho de toda a gente que estava com ele. Entre essa chamada e a reunião, Robert Moreno, a quem estamos muito agradecidos, numa reunião com Molina e comigo disse que tinha falado com o Luis e que nos transmitiu que ele quer voltar a treinar", explicou, antes de rematar com uma última conclusão.  "Fizemos as coisas sempre com respeito, integridade, transparência e rigor. A Federação é leal com as pessoas, tanto com Luis Enrique como para quem ocupou o seu lugar e a quem foi explicado que Luis Enrique quisesse voltar, voltaria. Luis Enrique teve que abandonar a seleção pela pior situação que um pai pode viver. Luis Enrique é o líder deste projeto. Contratámos o Luis Enrique e a equipa dele. Tinha a promessa de que as portas estariam abertas. Este projeto continua até ao Mundial do Qatar. Queremos desejar-lhe um feliz regresso", rematou Rubiales.  Recorde-se que Robert Moreno foi quem ficou com o cargo, de forma interina, de Luis Enrique, tendo ajudado a seleção espanhola a garantir um lugar no Euro'2020. Moreno está de saída e esta manhã, segundo informou Rubiales, compareceram os advogados.