Liga e DGS têm de decidir se há público no dérbi Marítimo-Nacional

Pedro Ramos revelou esta tarde que é a Liga de Clubes e a DGS que tem de decidir se há público no dérbi entre Marítimo e Nacional. Por parte do Governo Regional tudo está tratado e já comunicado aos responsáveis. O Governante ressalvou que o trabalho do IASAÚDE já foi feito, bem como do Governo Regional, que esta preparado para a decisão das autoridades de saúde nacionais e do organizador da Liga. "Não cabe ao Governo regional decidir se há público” nos jogos. Tudo está pronto, mas as "grandes decisões" não são do GR.

Liga e DGS têm de decidir se há público no dérbi Marítimo-Nacional
Pedro Ramos revelou esta tarde que é a Liga de Clubes e a DGS que tem de decidir se há público no dérbi entre Marítimo e Nacional. Por parte do Governo Regional tudo está tratado e já comunicado aos responsáveis. O Governante ressalvou que o trabalho do IASAÚDE já foi feito, bem como do Governo Regional, que esta preparado para a decisão das autoridades de saúde nacionais e do organizador da Liga. "Não cabe ao Governo regional decidir se há público” nos jogos. Tudo está pronto, mas as "grandes decisões" não são do GR.