Homem ferido com gravidade por se ter esfaqueado enquanto a casa ardia

 Um homem ficou hoje ferido com gravidade depois de se ter agredido com uma faca, enquanto ocorria um incêndio na casa onde vive sozinho no centro histórico de Évora, disse à agência Lusa fonte da PSP. Segundo a mesma fonte, o homem, de 52...

Homem ferido com gravidade por se ter esfaqueado enquanto a casa ardia
 Um homem ficou hoje ferido com gravidade depois de se ter agredido com uma faca, enquanto ocorria um incêndio na casa onde vive sozinho no centro histórico de Évora, disse à agência Lusa fonte da PSP. Segundo a mesma fonte, o homem, de 52 anos, "saiu para a rua com duas facas na mão", enquanto ocorria um fogo na sua habitação, "avisou os vizinhos que a casa estava a arder dizendo-lhes para saírem das suas casas" e na frente de um amigo "deu uma facada no peito". A fonte da polícia indicou que o homem tinha de entregar hoje, às 12:00, a casa ao proprietário, na sequência de um processo de despejo. A Polícia Judiciária foi chamada ao local e está a investigar as causas do incêndio, adiantou a fonte da PSP. O homem foi transportado para o hospital de Évora, segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora. O incêndio ocorreu na Travessa das Morenas, tendo afetado toda a casa, que ficou sem condições de habitabilidade, segundo a fonte do CDOS. O alerta para a ocorrência foi dado às 08:48 para o CDOS e as operações de socorro mobilizaram os Bombeiros Voluntários de Évora, uma viatura médica de emergência e reanimação (VMER), além da PSP, num total de 18 operacionais e nove veículos.