Empresário Dário Silva exige BIR no Porto Santo

O conhecido empresário Dário Silva, do grupo Café do Teatro, defendeu ao fim da tarde hoje o envio de uma equipa da Brigada de Intervenção Rápida (BIR) da PSP para o Porto Santo. Dário, responsável por vários estabelecimentos de animação noturna na Madeira e no Porto Santo, recorreu às redes sociais onde partilhou a notícia do JM e deixou o desafio às autoridades. “Isto chega ao ponto que não tem limites!!!”, escreve. E acrescenta: “Já partiram várias cadeiras e mesas das esplanadas, sinais de trânsito, etc. Rebentam e partem tudo e ninguém faz nada???”, questiona. Depois do alerta, o desafio às autoridades policiais, nomeadamente à Polícia de Segurança Pública: “Queremos e exigimos a BIR no Porto Santo! É a única a por ordem no que se está a passar”. Adianta. O que se está a passar no Porto Santo foi hoje alvo de várias notícias no JM. Primeiro com o desabafo da própria Câmara Municipal, em que o executivo de Idalino Vasconcelos lamentava atos de destruição e dava conta da necessidade de intervenção policial. Depois com o comando regional da PSP a dar algumas explicações e a repartir responsabilidades. Mais tarde, com o empresário Luís Bettencourt a sugerir outras atividades para os jovens no Porto Santo. Leia mais sobre este tema na edição impressa do JM desta sexta-feira.

Empresário Dário Silva exige BIR no Porto Santo
O conhecido empresário Dário Silva, do grupo Café do Teatro, defendeu ao fim da tarde hoje o envio de uma equipa da Brigada de Intervenção Rápida (BIR) da PSP para o Porto Santo. Dário, responsável por vários estabelecimentos de animação noturna na Madeira e no Porto Santo, recorreu às redes sociais onde partilhou a notícia do JM e deixou o desafio às autoridades. “Isto chega ao ponto que não tem limites!!!”, escreve. E acrescenta: “Já partiram várias cadeiras e mesas das esplanadas, sinais de trânsito, etc. Rebentam e partem tudo e ninguém faz nada???”, questiona. Depois do alerta, o desafio às autoridades policiais, nomeadamente à Polícia de Segurança Pública: “Queremos e exigimos a BIR no Porto Santo! É a única a por ordem no que se está a passar”. Adianta. O que se está a passar no Porto Santo foi hoje alvo de várias notícias no JM. Primeiro com o desabafo da própria Câmara Municipal, em que o executivo de Idalino Vasconcelos lamentava atos de destruição e dava conta da necessidade de intervenção policial. Depois com o comando regional da PSP a dar algumas explicações e a repartir responsabilidades. Mais tarde, com o empresário Luís Bettencourt a sugerir outras atividades para os jovens no Porto Santo. Leia mais sobre este tema na edição impressa do JM desta sexta-feira.