Crime de desobediência para quem não respeitar isolamento obrigatório

Pessoas que se encontrem doentes com a Covid-19 ou sob vigilância ativa das autoridades de saúde e não respeitem o isolamento obrigatório em contexto hospitalar ou domiciliário incorrem num crime de desobediência. Idosos devem também permanecer na sua residência. Todos os bens/serviços que sejam dispensáveis ao bem-estar da população (restaurantes, cafés, esplanadas, lojas) devem encerrar. O primeiro-ministro diz que “este conjunto de medidas será devidamente fiscalizada pelas forças de segurança que atuarão numa dupla dimensão dimensão repressiva, encerrando estabelecimentos ou fazendo encerrar atividades”.

Crime de desobediência para quem não respeitar isolamento obrigatório
Pessoas que se encontrem doentes com a Covid-19 ou sob vigilância ativa das autoridades de saúde e não respeitem o isolamento obrigatório em contexto hospitalar ou domiciliário incorrem num crime de desobediência. Idosos devem também permanecer na sua residência. Todos os bens/serviços que sejam dispensáveis ao bem-estar da população (restaurantes, cafés, esplanadas, lojas) devem encerrar. O primeiro-ministro diz que “este conjunto de medidas será devidamente fiscalizada pelas forças de segurança que atuarão numa dupla dimensão dimensão repressiva, encerrando estabelecimentos ou fazendo encerrar atividades”.