Covid-19: Primeira morte na Irlanda do Norte e 137 no total no Reino Unido

A Irlanda do Norte registou hoje a primeira morte resultante do novo coronavírus responsável pela pandemia de Covid-19, subindo para 137 o número de mortos no Reino Unido.  O paciente, de sexo masculino, era idoso e tinha outros problemas de saúde, segundo o ministério da Saúde regional, que contabilizou 77 casos de pessoas infetadas.  De acordo com os dados publicados hoje pelas respetivas direções de saúde, até agora registaram-se 128 mortes em Inglaterra, seis na Escócia e duas no País de Gales.  O governo britânico decretou o encerramento das escolas públicas em todo o país a partir de sexta-feira e aconselhou as pessoas a não frequentarem bares ou restaurantes para evitar contactos sociais desnecessários. Determinou ainda um maior tempo de isolamento para agregados familiares com membros que tenham sintomas, de sete para 14 dias. O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 220 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 8.900 morreram e mais de 85.500 recuperaram. Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se já por 176 países e territórios, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia. O continente europeu é aquele onde existe atualmente o maior número de casos, com a Itália, com 2.978 mortes em 35.713 casos, a Espanha, com 767 mortes (17.147 casos) e a França com 264 mortes (9.134 casos).

Covid-19: Primeira morte na Irlanda do Norte e 137 no total no Reino Unido
A Irlanda do Norte registou hoje a primeira morte resultante do novo coronavírus responsável pela pandemia de Covid-19, subindo para 137 o número de mortos no Reino Unido.  O paciente, de sexo masculino, era idoso e tinha outros problemas de saúde, segundo o ministério da Saúde regional, que contabilizou 77 casos de pessoas infetadas.  De acordo com os dados publicados hoje pelas respetivas direções de saúde, até agora registaram-se 128 mortes em Inglaterra, seis na Escócia e duas no País de Gales.  O governo britânico decretou o encerramento das escolas públicas em todo o país a partir de sexta-feira e aconselhou as pessoas a não frequentarem bares ou restaurantes para evitar contactos sociais desnecessários. Determinou ainda um maior tempo de isolamento para agregados familiares com membros que tenham sintomas, de sete para 14 dias. O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 220 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 8.900 morreram e mais de 85.500 recuperaram. Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se já por 176 países e territórios, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia. O continente europeu é aquele onde existe atualmente o maior número de casos, com a Itália, com 2.978 mortes em 35.713 casos, a Espanha, com 767 mortes (17.147 casos) e a França com 264 mortes (9.134 casos).