Covid -19: China sem novos casos de contágio local pelo segundo dia consecutivo

 A China anunciou hoje não ter registado novas infeções locais pelo novo coronavírus, pelo segundo dia consecutivo, embora o número de casos importados tenha continuado a aumentar. A Comissão de Saúde da China disse que, até ao início do dia de hoje (16:00 de quinta-feira em Lisboa), não foram detetados novos casos de contágio local em todo o território, mas as autoridades identificaram 39 infetados oriundos do exterior. Três pessoas morreram devido à doença, nas últimas 24 horas, fixando o total de mortes na China continental, que exclui Macau e Hong Kong, em 3.248. No total, o número de infetados diagnosticados na China desde o início da pandemia é de 80.967, incluindo 71.150 pessoas que já receberam alta. O número de infetados ativos fixou-se nos 6.569, entre os quais 2.136 em estado grave. O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 235 mil pessoas em todo o mundo, entre as quais mais de 9.800 morreram. Das pessoas infetadas, mais de 86.600 recuperaram da doença.

Covid -19: China sem novos casos de contágio local pelo segundo dia consecutivo
 A China anunciou hoje não ter registado novas infeções locais pelo novo coronavírus, pelo segundo dia consecutivo, embora o número de casos importados tenha continuado a aumentar. A Comissão de Saúde da China disse que, até ao início do dia de hoje (16:00 de quinta-feira em Lisboa), não foram detetados novos casos de contágio local em todo o território, mas as autoridades identificaram 39 infetados oriundos do exterior. Três pessoas morreram devido à doença, nas últimas 24 horas, fixando o total de mortes na China continental, que exclui Macau e Hong Kong, em 3.248. No total, o número de infetados diagnosticados na China desde o início da pandemia é de 80.967, incluindo 71.150 pessoas que já receberam alta. O número de infetados ativos fixou-se nos 6.569, entre os quais 2.136 em estado grave. O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 235 mil pessoas em todo o mundo, entre as quais mais de 9.800 morreram. Das pessoas infetadas, mais de 86.600 recuperaram da doença.