CMF adquiriu viatura pesada multifunções para o Parque Ecológico do Funchal

A Câmara Municipal do Funchal adquiriu um veículo pesado multifunções para operar no Parque Ecológico do Funchal como viatura de primeira intervenção em caso de fogo florestal e para dar apoio nos trabalhos de prevenção da limpeza das plantas invasoras. O investimento de 180 mil euros mais IVA foi cofinanciado pelo PRODERAM. O presidente da autarquia, Miguel Silva Gouveia, destaca que “esta viatura foi idealizada atendendo às especificidades do Parque Ecológico, para dotá-lo de novas valências, tem capacidade de 3.500 litros para uma primeira intervenção no combate a incêndios na época de maior risco, e por outro lado está munido uma com garra florestal e de uma caixa de carga que permite o transporte de material vegetal resultante da desmatação e limpeza de infestantes. Além disso, por ser todo o terreno chega a locais onde outras viaturas até então não chegava, essa é a grande mais-valia.” “Paralelamente a esta aquisição, o município admitiu um motorista de pesados que contribuirá, durante todo o ano, para a segurança do Parque e da cidade”, acrescentou o autarca lembrando que o investimento acumulado “ultrapassa os 600 mil euros, entre a beneficiação das infraestruturas vitais para o funcionamento das operações florestais e a aquisição de equipamentos para prevenção e combate aos incêndios florestais. Todas estas medidas visam dotar o Parque de meios mecânicos que permitam realizar técnicas de silvicultura preventiva e ter meios humanos capazes de intervir com segurança em caso de incêndio florestal”.

CMF adquiriu viatura pesada multifunções para o Parque Ecológico do Funchal
A Câmara Municipal do Funchal adquiriu um veículo pesado multifunções para operar no Parque Ecológico do Funchal como viatura de primeira intervenção em caso de fogo florestal e para dar apoio nos trabalhos de prevenção da limpeza das plantas invasoras. O investimento de 180 mil euros mais IVA foi cofinanciado pelo PRODERAM. O presidente da autarquia, Miguel Silva Gouveia, destaca que “esta viatura foi idealizada atendendo às especificidades do Parque Ecológico, para dotá-lo de novas valências, tem capacidade de 3.500 litros para uma primeira intervenção no combate a incêndios na época de maior risco, e por outro lado está munido uma com garra florestal e de uma caixa de carga que permite o transporte de material vegetal resultante da desmatação e limpeza de infestantes. Além disso, por ser todo o terreno chega a locais onde outras viaturas até então não chegava, essa é a grande mais-valia.” “Paralelamente a esta aquisição, o município admitiu um motorista de pesados que contribuirá, durante todo o ano, para a segurança do Parque e da cidade”, acrescentou o autarca lembrando que o investimento acumulado “ultrapassa os 600 mil euros, entre a beneficiação das infraestruturas vitais para o funcionamento das operações florestais e a aquisição de equipamentos para prevenção e combate aos incêndios florestais. Todas estas medidas visam dotar o Parque de meios mecânicos que permitam realizar técnicas de silvicultura preventiva e ter meios humanos capazes de intervir com segurança em caso de incêndio florestal”.