Centro de Química da Madeira avaliado com "Excelente"

O Centro de Química da Madeira (CQM) é a única unidade de investigação integralmente sediada na Região com a classificação de “Excelente”, segundo informou hoje a Universidade da Madeira. O estatuto ímpar resulta da conclusão do processo de avaliação internacional relativo ao período 2013-2017, promovido pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) a todas as unidades de investigação.   A classificação agora obtida é fruto de 17 anos de trabalho realizado em prol do desenvolvimento científico e tecnológico da Universidade, da Região onde se insere, e do País.  O CQM concorreu pela primeira vez a financiamento FCT em 2002, com 7 doutorados. Atualmente, a equipa de investigação é composta por 65 investigadores, dos quais 24 são doutorados e 17 são estudantes de doutoramento. O CQM desenvolve a sua atividade de investigação nas áreas da saúde e bem-estar, segurança e qualidade agroalimentar, recursos e tecnologias do mar. Para além da atividade de investigação, a missão do CQM compreende a formação de recursos humanos, a prestação de serviços e a divulgação de ciência. Em 2020 o CQM publicou 66 artigos e, no período 2018 - 2020, publicou 172 artigos com fator de impacto, perfazendo uma média por ano de 57 publicações.

Centro de Química da Madeira avaliado com "Excelente"
O Centro de Química da Madeira (CQM) é a única unidade de investigação integralmente sediada na Região com a classificação de “Excelente”, segundo informou hoje a Universidade da Madeira. O estatuto ímpar resulta da conclusão do processo de avaliação internacional relativo ao período 2013-2017, promovido pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) a todas as unidades de investigação.   A classificação agora obtida é fruto de 17 anos de trabalho realizado em prol do desenvolvimento científico e tecnológico da Universidade, da Região onde se insere, e do País.  O CQM concorreu pela primeira vez a financiamento FCT em 2002, com 7 doutorados. Atualmente, a equipa de investigação é composta por 65 investigadores, dos quais 24 são doutorados e 17 são estudantes de doutoramento. O CQM desenvolve a sua atividade de investigação nas áreas da saúde e bem-estar, segurança e qualidade agroalimentar, recursos e tecnologias do mar. Para além da atividade de investigação, a missão do CQM compreende a formação de recursos humanos, a prestação de serviços e a divulgação de ciência. Em 2020 o CQM publicou 66 artigos e, no período 2018 - 2020, publicou 172 artigos com fator de impacto, perfazendo uma média por ano de 57 publicações.