Bombeiros com trabalho rigoroso de desencarceramento no acidente na Via Rápida (com fotos)

O acidente que aconteceu há pouco, como já publicado na nossa edição online, na via rápida, no sentido Santa Cruz-Funchal, obrigou a um trabalho muito rigoroso dos bombeiros para garantir a segurança do ferido e das próprias equipas de socorro. Ainda antes de socorrer a vítima, que se tratava do condutor e único ocupante da viatura, foram os Bombeiros Voluntários Madeirenses obrigados a estabilizar a viatura, pois esta ficou fora da estrada, junto a uma área ajardinada. Logo depois efetuaram-se as manobras de desencarceramento e de socorro do único sinistrado. Segundo ainda apurou o JM, a viatura sofreu uma colisão de um outro veículo, tendo sido projetada para a parte ajardinada da berma. No seu interior, um homem foi socorrido e depois transportado ao hospital, onde entrou no serviço de urgências.

O acidente que aconteceu há pouco, como já publicado na nossa edição online, na via rápida, no sentido Santa Cruz-Funchal, obrigou a um trabalho muito rigoroso dos bombeiros para garantir a segurança do ferido e das próprias equipas de socorro. Ainda antes de socorrer a vítima, que se tratava do condutor e único ocupante da viatura, foram os Bombeiros Voluntários Madeirenses obrigados a estabilizar a viatura, pois esta ficou fora da estrada, junto a uma área ajardinada. Logo depois efetuaram-se as manobras de desencarceramento e de socorro do único sinistrado. Segundo ainda apurou o JM, a viatura sofreu uma colisão de um outro veículo, tendo sido projetada para a parte ajardinada da berma. No seu interior, um homem foi socorrido e depois transportado ao hospital, onde entrou no serviço de urgências.