Bebé de um mês internado nos cuidados intensivos devido a agressões da mãe

Um bebé, com apenas um mês, deu entrada, no ano passado, nos cuidados intensivos do Hospital de São João, no Porto, vítima de diversas lesões no cérebro provocadas por agressões por parte da mãe De acordo com o Grupo Impala, que cita o Jornal...

Bebé de um mês internado nos cuidados intensivos devido a agressões da mãe
Um bebé, com apenas um mês, deu entrada, no ano passado, nos cuidados intensivos do Hospital de São João, no Porto, vítima de diversas lesões no cérebro provocadas por agressões por parte da mãe De acordo com o Grupo Impala, que cita o Jornal de Notícias, a mulher, de 29 anos, foi detida a 29 de novembro do ano passado, dia em que a criança teve alta do hospital e aguarda julgamento em prisão preventiva. A mesma fonte refere que a suspeita é acusada de dois crimes de violência doméstica agravada contra o filho recém-nascido.  Quando o bebé chorava de “forma inconsolável e prolongada”, pois sofria de uma gastroenterite, a mulher “pegava nele o colo e abanava-o de forma violenta”, refere a acusação do Ministério Público citada pelo JN. A mãe da criança voltou a agredi-la durante o internamento e, durante uma das madrugadas, deu-lhe umas “com violência, ao ponto de o fazer embater com a cabeça no braço do cadeirão”, refere a mesma fonte. A mulher aguarda julgamento em prisão preventiva e o bebé está a viver com uma família de acolhimento, continuado a correr riscos devido às sequelas das lesões. O pai do menor garante que desconhecia os maus-tratos e acrescenta que tem visitado o filho de forma regular. A mulher foi detida em novembro do ano passado e agora aguarda julgamento em prisão preventiva. De acordo com a mesma publicação, o bebé encontra-se agora a viver com uma família de acolhimento, mas corre ainda riscos devido às sequelas das lesões. O pai da criança diz que desconhecia os maus-tratos e tem visitado o filho regularmente.