Albuquerque quer desencadear revisão da carreira das ajudantes domiciliárias

O Presidente do Governo Regional esteve, hoje, em São Vicente e em Santana, onde deixou duas promessas: o início da revisão da carreira das ajudantes domiciliárias e a conclusão da via rápida entre São Jorge e o Arco de São Jorge, já no próximo...

Albuquerque quer desencadear revisão da carreira das ajudantes domiciliárias
O Presidente do Governo Regional esteve, hoje, em São Vicente e em Santana, onde deixou duas promessas: o início da revisão da carreira das ajudantes domiciliárias e a conclusão da via rápida entre São Jorge e o Arco de São Jorge, já no próximo ano. Em São Vicente, Miguel Albuquerque presidiu à cerimónia de entrega de uma viatura de nove lugares à Associação de Desenvolvimento da Costa Norte da Madeira – ADENORMA, altura em que recordou o papel do já falecido Pereira de Gouveia, antigo secretário regional da Economia e Cooperação Externa, na fundação desta instituição. O chefe do Executivo anunciou ainda dois melhoramentos: a ampliação de uma sala e a criação de um centro de convívio na ADENORMA. Em Santana, Albuquerque entregou duas viaturas à Associação Santana Cidade Solidária, considerando que o trabalho desta associação é exemplar ao nível nacional e regional. Para além da conclusão da via rápida para São Jorge e o Arco de São Jorge, o presidente do Governo anunciou, em Santana, a intenção de desencadear a revisão da carreira das ajudantes domiciliárias, com vista à melhoria de condições de trabalho e das remunerações. Desencadear a revisão do estatuto da carreira das ajudantes domiciliárias é um imperativo nacional, disse Albuquerque, quer adaptar a legislação à Região.